GESTÃO DO CONHECIMENTO E GESTÃO DA QUALIDADE – ABORDAGEM INTERATIVA

Authors

  • Adelcio Machado dos Santos
  • Leandro Chiarello de Souza

DOI:

https://doi.org/10.56083/RCV3N2-011

Keywords:

Gestão do Conhecimento, Capital Intelectual, Serviços

Abstract

Os serviços, pelas suas características inerentes, não podem ser revestidos somente de qualidade se junto a eles não estiver efetivada a gestão do conhecimento. Demonstra-se, com base na obra de Nonaka e Takeuchi “Criação de conhecimento na empresa”, de que maneira isto ocorre nas organizações visando à eficiência e o empreendedorismo. A criação do conhecimento organizacional, pode-se dizer que consiste na capacidade de uma empresa em criar conhecimento e difundi-lo em sua organização como um todo, além de incorporá-lo a produtos, serviços e sistemas. Nesse ínterim, percebe-se que a perspectiva de aprendizagem e crescimento precisa estar direcionada a sua atenção para as pessoas e para as infraestruturas de recursos humanos, que são de extrema necessidade ao sucesso da organização. Os investimentos a realizar nesta vertente podem ser tidos como sendo outro fator crítico para a sobrevivência e desenvolvimento das organizações em longo prazo. Entretanto, este desenvolvimento precisa ser sustentado por uma análise e intervenção constante na performance dos processos internos, sendo esses considerados como sendo os processos-chave do negócio. A melhoria desses processos internos no presente constitui indicador-chave do sucesso financeiro no futuro.

References

BASIL, D.; COOK, C. O empresário diante das transformações sociais, econômicas e tecnológicas. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil, 1978.

BROCKA, Bruce M.; BROCKA, Suzanne. Gerenciamento da qualidade. São Paulo: Makron Books, 1994.

BUKOWITZ, Wendi; R. WILLIAMS, Ruth. Manual de gestão do conhecimento: ferramentas e técnicas que criam valor para a empresa. Porto Alegre: Bookman, 2002.

CANTANHEDE, G. Administração e gerência: do artesanato à automação. Rio de Janeiro: FGV, 1980.

CARVALHO, Marly Monteiro de; ROTONDARO, Roberto Gilioli. Modelo seis sigma. In: ______.; PALADINI, Edson Pacheco. Gestão da qualidade: teoria e casos. Rio de Janeiro: Campus, 2005.

CHAMPION, D.J. A sociologia das organizações. São Paulo: Saraiva, 1979.

CORRÊA, Henrique L.; CAON, Mauro. Gestão de serviços: lucratividade por meio de operações e de satisfação dos clientes. São Paulo: atlas, 2006.

DAVIS, Keith; NEWSTROM, John W. Comportamento humano no trabalho. São Paulo: Pioneira, 1992.

DRUCKER, Peter Ferdinand. O melhor de Peter Drucker: obra completa. São Paulo: Nobel, 2001.

GIANESI, Irineu G. N.; CORRÊA, Henrique Luiz. Administração estratégica de serviços: operações para a satisfação do cliente. São Paulo: Atlas, 1994.

______.; ______. Administração estratégica de serviços: operações para a satisfação do cliente. São Paulo: Atlas, 1994.

GONÇALVES, J. E. L. Os impactos das novas tecnologias nas empresas prestadoras de serviços. REA – Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 34, p.63-81, jan/fev. 1994. DOI: https://doi.org/10.1590/S0034-75901994000100008

HALL, R. H. Organizações: estruturas e processos. 3. ed. Rio de Janeiro: Prentice Hall do Brasil, 1984.

HESKETH, José Luiz. Desenvolvimento organizacional. São Paulo: Atlas, 1977.

KON, Anita. Economia de serviços: teoria e evolução no Brasil. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.

KOTLER, Philip. Administração de marketing: análise, planejamento, implementação e controle. São Paulo: Atlas, 1998.

MCKENNA, Regis. Marketing de relacionamento. Rio de Janeiro: Campus; São Paulo: Publifolha, 1999.

LAS CASAS, Alexandre Luzzi. Marketing de serviços. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

NONAKA, Ikujiro; TAKEUCHI, Hirotaka. Criação de conhecimento na empresa: como as empresas japonesas geram a dinâmica da inovação. Rio de Janeiro: Campus, 1997.

OLIVEIRA JR., Moacir de Miranda. Competências essenciais e conhecimento na empresa. In: FLEURY, Maria Tereza Leme; OLIVEIRA JR, Moacir de Miranda. Gestão estratégica do conhecimento: integrando aprendizagem, conhecimento e competências. São Paulo: Atlas, 2001.

PALADINI, Edson Pacheco. Avaliação estratégica da qualidade. São Paulo: Atlas, 2002.

RATTNER, H. Informática e sociedade. São Paulo: Brasiliense, 1985.

RODRIGUES, S. B. et al. Tecnologia da informação nos serviços: o impacto na configuração do trabalho. REA – Revista de Administração e Empresas, Rio de Janeiro, v. 26, n. 1, p. 43-56, jan/mar 1986. DOI: https://doi.org/10.1590/S0034-75901986000100004

SANTOS, Luciano Costa; VARVAKIS, Gregório. Gestão da qualidade em serviços. Universidade Federal de Santa Catarina. Grupo de análise de valor.

SOLTERO, Alonso Pérez. Gestão do conhecimento na solução de problemas de gestão de qualidade. In: TERRA, José Claudio; KRUGLIANSKAS, Isak (Coords.). Gestão do conhecimento em pequenas e médias empresas. Rio de Janeiro: Campus, 2003.

SPENDER, J. C. Gerenciando sistemas de conhecimento. In: FLEURY, Maria Tereza Leme; OLIVEIRA JR., Moacir de Miranda. Gestão estratégica do conhecimento: integrando aprendizagem, conhecimento e competências. São Paulo: Atlas, 2001.

STEWART, Thomas A. Capital intelectual: a nova vantagem competitiva das empresas. 3. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

TEBOUL, James. Gerenciando a dinâmica da qualidade. São Paulo: Qualitymark, 1991.

______. A era dos serviços: uma nova abordagem de gerenciamento. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1999.

TEIXEIRA FILHO, Jayme. Gerenciando conhecimento: como a empresa pode usar a memória organizacional e a inteligência competitiva no desenvolvimento de negócios. Rio de Janeiro: SENAC, 2000.

TOWSEND, Patrick. Compromisso com a qualidade: um sistema comprovado de melhoria da qualidade. Rio de Janeiro: Campus, 1991.

VIEIRA, Adriane. A qualidade de vida no trabalho e o controle da qualidade total. Florianópolis: Insular, 1996.

Published

2023-01-24

How to Cite

dos Santos, A. M., & de Souza, L. C. (2023). GESTÃO DO CONHECIMENTO E GESTÃO DA QUALIDADE – ABORDAGEM INTERATIVA. Revista Contemporânea, 3(2), 795–815. https://doi.org/10.56083/RCV3N2-011

Issue

Section

Artigos

Most read articles by the same author(s)